O amor que eu não recebi


....................  ....................

Era um dia normal, desses que a gente não espera nada, desses comuns como qualquer outro. Se era frio ou quente quem vai lembrar? Se era outono, inverno, primavera ou verão tão pouco ainda, mas naquele dia começamos a conversar.
Não, não foi amor à primeira vista, não rolou nenhuma química explosiva, eu era apenas eu, você era apenas você, dois estranhos, e talvez dois mundos diferentes.
Costumam dizer que não escolhemos por quem vamos nos apaixonar, e isso é fato, eu me apaixonei, mas não queria me apaixonar, não porque eu não o achava o cara certo para mim, e sim porque eu não queria mais me decepcionar.
No começo era uma paixão qualquer, parecia ser algo meio sem importância, mas os dias, meses e até anos passaram e cada vez mais isso aumentou.
Nenhuma dor de paixão não correspondida é boa. Nós choramos, insistimos, imploramos, suplicamos e mendigamos por amor, para receber o que a pessoa não pode nos dar. Mas confesso, toda essa dor me fez entender...
Será que eu merecia tudo aquilo? Será que eu merecia chorar todas as noites por um garoto? Será que eu precisava chorar todas as vezes que nos despedíamos porque nada mudava? Será que eu merecia me culpar por não dar certo? Será que eu fiz de menos?
Eu me apaixonei por um garoto, eu disse o que sentia, eu demonstrei o que eu sentia, e mais do que isso, eu quase o implorei para que sentisse o mesmo, eu praticamente pedi a Deus e ao mundo que nos juntasse, eu tentei fazer tudo que estava ao meu alcance. Mas sabe que é, uma hora a gente cansa, uma hora de tanto apanhar nós começamos a bater. Para mim todo o problema foi esse, eu doei demais, amei demais, para receber de menos, e agora por que eu tenho que me sentir culpada? Porque em um determinado problema eu quis chutar o pau da barraca? Porque eu cansei e dizer que estava cansada não era o suficiente?
Um dia há muito tempo atrás eu achei que tinha descoberto o que era amar uma pessoa, achei que eu poderia enfrentar o mundo se fosse preciso, um dia eu achei que poderia ser o mundo de alguém, mas sabem como é, amor é reciproco, nós não amamos sozinhos.
Quem ama corre atrás, quem ama demonstra, quem ama faz noite virar dia, faz chuva virar sol, quem ama toma atitude, quem não ama arranja desculpas.

....................  ....................


10 comentários:

  1. Uau que texto lindo, amei.
    Já estou seguindo o blog poderia me seguir de volta?
    Tem post novo lá no blog, te espero lá.
    bjos.
    http://lolitamakeuplm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Que texto lindo, Jay! ♡
    E é verdade, todo sentimento tem que ser recíproco! Ás vezes sinto falta de me apaixonar,da sensação boa que dá...mas quando lembro das decepções eu desisto...rsrs
    Mas uma hora chega e que seja recíproco! :)
    Adoro seu blog!
    Beijoss
    Lilica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To igual você kkk
      as vezes sinto falta de me apaixonar, da sensação boa, mas ai me lembro das decepções e desisto kkkkkkkkkk
      Bjs.

      Excluir
  3. oi, oi.

    ai, menina. que texto é esse? incrível! parece até que tu tava me descrevendo. sério. <3

    saí de uma relação bem conturbada no fim do ano passado e to querendo apenas curtir a minha vida, quietinho e sem me apegar a ngm. mas, parece que quanto mais vc quer ficar quieto, mais o mundo joga pessoas no nosso caminho. affz!

    tem um carinha que surgiu do nada e fica de papinho todo santo dia, do tipo que manda até vídeo de bom dia e bla bla bla. é até fofo, mas sabe quando vc não quer se apegar? então. acho que trauma do amor/paixão.

    e sim, tu tá certa: quem gosta da gente, demonstra com pequenas ações e sempre está ao nosso lado, mesmo longe. <3

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sai de uma furada para entrar em outra não dá né?
      Eu praticamente era assim, gostava de alguém não dava certo ia e gostava de outro, e por ai vai, mas sabe era coisa de um ano e tals, só que dá última vez foi mais de um ano, achei que finalmente ia dar certo, mas de todos foi a minha pior decepção, e até hoje isso ainda me incomoda um pouco sabe, mas assim como você, por conta disso hoje estou mais na minha, não estou afim de tentar algo novo por agora, quero aproveitar meu tempo "sozinha", mas quando digo sozinha não é do tipo que não tem ninguém, porque desse jeito eu sempre estive (risos), mas sozinha do tipo bem comigo mesma.
      Acho que antes de amarmos o outro devemos nos amar primeiro.
      Bjs.

      Excluir
  4. Seu texto é uma pura duma linda verdade. Eu já passei por isso e sei muito bem como é..e chega uma hora que realmente dizer que está cansada não basta mais. Nada vai mudar se a gente não mudar. Então não é certo nos sentir culpada depois de ter a certeza que tentamos de tudo. Dói horrores..não gosto muito de pensar nisso novamente.
    Enfim,seguindo o blog ♥
    Beijas,
    Mundo perdido da Carol

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito boa essa frase NADA VAI MUDAR SE A GENTE NÃO MUDAR!
      Obrigada linda, seguindo de volta. ♥
      Bjs

      Excluir
  5. Uau que texto maravilhoso! Me identifico muito e digo infelizmente...
    Um dia todo esse sentimento passa e quando nos damos conta entramos neste ciclo de novo por outro alguém. Nunca se arrependa por sentir demais, o mundo precisa de pessoas que se doem por completo a outras.

    Traveling Feathers
    escrito por Mary A.

    ResponderExcluir

Oi, espero que tenha gostado de visitar o blog, não deixe de comentar a sua experiência aqui.
Beijos, e volte mais vezes, será sempre bem vindo (a).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Jayhana De Nardi - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo